LadyLike Lookbook: Vestidinho Preto

Oi oi, leitores!

Não tem como deixar de escrever sobre uma peça clássica no mundo da moda: o vestidinho preto, little black dress (LBD), pretinho básico…Para representá-lo, vários nomes são candidatos, além de várias atrizes que há muito já se inspiravam nele.

lbd1

O vestido preto básico é uma peça chave para quem quer ao mesmo tempo discrição e inovar nos acessórios do look. Quando o preto não tem estampa nem outros detalhes que chamem atenção para si, o segredo na hora de vestir o LBD é escolher um dos dois “polos”: incorporar a seriedade ou extravasar com os adornos.

A minha preferência é incorporar a seriedade, portanto sapatos de cor preta seriam uma escolha, além de acessórios discretos como pérolas ou, no máximo, uma bolsa pequena/clutch com detalhes brilhantes. Minha preocupação maior, por outro lado, seria o recorte do vestido: presença ou não de mangas, altura da saia… Tudo isso conta bastante!

lbd2

É fácil perceber que nenhum vestido é semelhante ao outro. A Moda descobriu que cada um pode ter a personalidade de quem veste, portanto foi necessário criar novos modelos, mas, claro, preservando a cor.

Entre um look mais elegante e um mais para o cotidiano, os acessórios ganham um papel importante de separar essas ocasiões.

lbd3

Sem muitos acessórios, o visual fica mais simples e descontraído.

lbd4

Com mais cuidado nas cores e nos brilhos, o look pode ganhar novas características.

Infelizmente, em relação a lojas para conseguir comprar os vestidos pretos, pouquíssimas se dedicam a vender peças tão “simples”, sobrando como maioria das opções as lojas virtuais de produtos muito baratos (se as roupas são muito baratas, a probabilidade de virem de mão de obra barata é grande). Eu não sou freguesa delas, mas caso deseje conhecê-las, há algumas citadas no pinterest:

ZAFUL // SheIn // CiChic // Luulla // Lulus

__

Você possui um vestidinho preto? Gosta da ideia de uma peça simples e clássica?

__

Fontes: TODAS AS IMAGENS VÊM DO PINTEREST.
Nenhuma é de minha autoria.
Imagem em Destaque

~ Maíra Azevedo
17.03.2016 / Mão de obra barata )))):

Anúncios

The LadyLike LookBook: Vestidos Decotados

Boa noite, leitores! Pelos atrasos da semana passada, vou desobedecer o cronograma do blog e postar o que posso nesta semana!

Hoje, eu resolvi trazer um assunto que muitos evitam quando mencionam o estilo LadyLike: os decotes. Por que evitam, eu não sei. O decote traz uma personalidade diferente ao estilo e pode combinar muito bem com aquelas mulheres que decidem usá-lo. Para isso, preciso apontar uma das mais conhecidas atrizes que já fez história no mundo: Marilyn Monroe.

Marilyn ficou conhecida por sua sensualidade no modo de falar, de se portar e especialmente no modo de se vestir, em uma época que exigia muita obediência das mulheres no quesito do próprio estilo das roupas. Por que evitar decote, se sua personalidade deseja expressar-se exteriormente dessa forma? Por sorte a diva adotou essa ideia e vestiu os mais lindos looks que inspiram atrizes até hoje.

Cheque três formas de enxergar o decote como algo natural e totalmente LadyLike.

1. Decote em “V”

decotes5

Normalmente, o primeiro pensamento após ouvir a palavra “decote” é um vestido sofisticado e de difícil costura. Mas quando um “em V” é incorporado aos looks como os de cima, o que sentimos é mais um ar descontraído e leve. Caso deseje permanecer com algo simples no visual, essa é uma boa escolha. O segredo também são as alças em tiras, que dão a impressão de uma blusa solta.

decotes6

Ellie Goulding, Penelope Cruz e Katy Perry sabem o poder de um decotinho em V junto a alças em tiras. Não é tão óbvio pensar que essa combinação pode dar tão certo.

2. Decote “V” Profundo

decotes2

Para o descontraído se transformar em sofisticado e a atenção do dobro de pessoas se voltar a você, é só aumentar o decote em “V”. Os looks acabam ganhando características de alguém que deseje ir para festas, sair a noite e usar algo diferente do comum vestido diurno. Por isso, muitos resolvem incorporar o brilho nas peças e/ou nos acessórios. Valorizo!

decotes1

Elizabeth Rodriguez usou um clássico vestido branco. Com um decote assim, só consigo me lembrar daquele com saia esvoaçante famoso de Marilyn Monroe em “The Seven Year Itch” (O Pecado Mora ao Lado). Olivia Wilde vestindo Bvlgari, porém muito parecida com Marilyn nas fotos acima. E Constance Wu (adorei o penteado dela, só para constar) unindo a sensualidade com a delicadeza no look: cor e tecido fazem a diferença.

3. Decote + Ombro-a-ombro

decotes3

Nesse caso, nossa diva não ousou tanto quanto as atrizes atuais e preferiu deixar o ombro-a-ombro puro. Todavia, é sim possível unir esses dois detalhes e formar um visual LadyLike admirável.

decotes4

Apesar de os decotes serem mais discretos que os dois citados acima, eles também deram um novo detalhe para cada um dos três vestidos desta imagem. Viola Davis vestiu um maravilhoso, com tecidos dispostos de maneira delicada e surpreendente. Rachel Bloom também mostrou que o decote+ombro-a-ombro pode ter a delicadeza de uma dama, além da seriedade da cor – adoro. Por fim, inspirada na própria Marylin Monroe, Lady Gaga decidiu unir não só os detalhes, como também a cor e o tecido para formar um conjunto LadyLike completo. Os acessórios não ficam de fora.

__

Toda Mulher é uma Dama, e portanto deve ser vista por inteiro, seu corpo e sua mente. Julgar o que uma veste não é o caminho.

__

Fontes:
Marylin Monroe: aqui e aquiaquiaqui e aqui;
Todas as imagens de atrizes foram encontradas no Google (perdi os links). Eu não tenho autoria sobre nenhuma delas.
Imagem em Destaque

~ Maíra Azevedo
16.02.2016 / LadyLike é mais que modo de se vestir

PesquisaAjudeBanner

Clique aqui para comentar sem precisar subir o post

 

The Lady-Like LookBook: Chanel Spring 2016 Couture

Boa noite, gentem!!

Adoro novidades da Moda quando o assunto é roupa com toques bem femininos, sejam mais românticos ou mais bucólicos. Tanto que entre meus planos para 2016 com A Dama Aprendiz é o de criar uma categoria para focar em peças de roupa, looks, adornos etc. que se assemelhem ao estilo Lady-Like. Contudo, não vou deixar naquele mesmo visual anos 50, vou tentar ampliar a visão do que é um “estilo de Dama”.

__

The Lady-Like LookBook já foi apresentado no blog em um post entitulado NYFW Spring 2016. Desta vez, ele volta com looks lindos inspirados na paz campestre de um jardim minimalista (poético). Karl Langerfeld quis trazer a consciência ecológica para o desfile e disse que “algodão selvagem” (wild cotton) foi usado nas roupas. Sarah Mower (que escreveu sobre o desfile da Chanel no site Vogue.com) afirmou que a Haute Couture é a antítese da Fast Fashion, o que no desfile da Chanel isso se adequou perfeitamente ao sentimento de preservação do meio-ambiente: alta costura é, no mínimo, feita à mão e não descartada com facilidade. Nem da memória essas novas criações da grife serão descartadas.

Citarei então 8 pontos que fazem parte de um estilo mais lady-like. Tanto nas cores, como nos cortes dos vestidos e a união das roupas com os acessórios criaram um conjunto digno de ser notado.

Chanel2016-1

1. As abelhas tiveram um espaço especial em roupas e brincos das modelos. Por incrível que pareça, insetos podem render inspiração para estampas e acessórios muito fofos.
2. Não poderiam faltar os lacinhos. Nas mangas, eles dão suavidade ao decote no busto da mulher à esquerda.

Chanel2016-2

3. As cores neutras foram a grande maioria: várias peças brancas, pretas, azul marinho, bege e marrons. Contudo, dois vestidos fugiram do padrão e ganharam um colorido artístico (exemplo: primeira imagem do post).
4. Estilos de vestidos houve vários. Os de cima assemelham-se aos de nobres da antiguidade, ao meu ver. Detalhes dourados com tecido branco/bege dão esta impressão interessante. Se é nobre, pode ser de uma dama.

chanel2016-3

5. Detalhes são importantes. Como falado antes, as abelhas ganharam destaque em vários momentos, simulando um ambiente com vida e harmonia. Ladies gostam de demonstrar uma obra perfeita no que vestem. (Note que qualquer pessoa pode ser uma dama)
6. O decote está em alta, até a Chanel concorda. Tanto no busto, como nas costas, há algum detalhe que retire tecido do local. Quando foi desenvolvido o estilo Lady-Like, não se aceitava decote… Mas convenhamos, é preciso aprender com o que cai no gosto de todos. Não estamos mais nos anos 50 para manter uma rigidez no Lady-Like. Incorporar novos elementos pode ser bom.

Chanel2016-4

7. A grife não pode fazer um desfile sem o clássico Tailleur Chanel. Apesar dos 3 da primeira foto estarem unindo um blazer a uma saia longa um pouco evasê, o original é mais semelhante ao da 2ª foto – blazer + saia lápis. A 3ª imagem traz um tailleur com parte de cima com mangas 3/4 “bufantes”, outra novidade.

Chanel2016-5

8. Flores e pérolas, as queridinhas dos looks românticos, não faltaram no desfile. Todavia, não foram os verdadeiros destaques.

__

A dama dos dias atuais não se contenta à saia midi, às mangas 3/4 e ao busto e costas totalmente cobertos. O real sentido de vestir a Moda é poder fluir com suas mudanças também.

O desfile de primavera da Chanel ensina como enxergar o romance e a calma da Alta Costura. Interessante foi identificar tantos pontos do Lady-Like nesse caso.

Ah, não esqueçam da Moda Sustentável ❤

__

Fontes: TODAS AS IMAGENS FORAM RETIRADAS DOS SEGUINTES SITES
Vogue – Resumo do desfile da Chanel
Vogue – Slideshow com todas as roupas apresentadas
Vogue – Behing the Scenes

~ Maíra Azevedo
26.01.2016 / Ainda organizando o cronograma do blog

A Moda nos Looks do Globo de Ouro 2016

*Sorri e acena aos leitores*

Boa tarde! Creio que muitos de vocês já devem ter procurado ver os looks de seus atores e atrizes preferidos no Globo de Ouro deste ano, tanto no red carpet quanto no after party. Eu reuni aqui os que eu achei mais elegantes do red carpet, sejam eles com muitos detalhes ou simplesmente um tecido com cor mais diferente. Acabei me contentando com os looks da “primeira parte” do evento, pois muito eram magníficos e eu não quis encher o post com outros além desses.

Achei interessante como certas características apareceram em quase todos os looks que eu decidi pôr aqui. Provavelmente, ou eu as adoro, ou as artistas gostam o suficiente para não se importarem em ver outras vestidas de maneira semelhante. De qualquer forma, é um reflexo da moda.

Veja abaixo!

VESTIDOS DA MARCHESA

gglobe2016-1.png

Eu sempre gostei de um estilo entre princesa e fada. Esses três vestidos refletem bem meus gostos. A Marchesa é “minha grife favorita”, quando se trata de criar novas peças como essas. Tantos os visuais mais detalhados (Viola Davis e Sarah Hay) quanto os mais simples (Lily James) têm um toque mais sofisticado que o de outras grifes, na minha opinião. Vestiria todos.

gglobe2016-2

Nas criações de cores mais vivas e escuras, a Marchesa também não deixa a desejar. Se o tecido não tem algum detalhe, os recortes dos vestidos são novos, diferentes dos demais que podemos ver. As saias também ganham destaque, sempre costuradas de uma forma em cada novo design.
Confesso que não gostei muito do vestido da Zendaya – achei o tecido muito grosseiro, já que a roupa me passa uma ideia de fluidez -, mas os outros dois eu usaria sem problemas.

__

VESTIDOS DE OUTRAS GRIFES

gglobe2016-3

Decotes parecem ser uma escolha certeira na Moda atual. Se não se sentir segura de colocá-lo no busto, faça-o nas costas. Não é possível enxergar na foto claramente, mas ambos os vestidos de Amber Heard e Eva Longoria têm ou um decote ou um recorte que deixam as costas aparentes.
Essa característica não é só de vestido mais sensual, como o de Olivia Wilde. Decote serve para os looks mais singelos, de fadas. Amber Heard, que vestiu Gucci, não errou, colocando flores e várias camadas de tecido de cores diferentes para equilibrar com as costas desprotegidas.

gglobe2016-4

Azul e Preto são tão clássicos quanto Vermelho e Nude nesses eventos. Aqui os decotes aparecem mais uma vez, e finalmente o famoso recorte na saia está perceptível em Kate Winslet. Assim como o look de Viola Davis, Jenna Dewan parece vestir um céu cheio de constelações, que ao meu ver é um estilo muito bonito de vestido de festa. Efeitos brilhantes foram uma aposta de muitas artistas.
Lady Gaga surpreendeu com um look bem anos 1950, ou eu diria, Marylin Monroe. Pode ser considerado o mais Lady-Like do Golden Globe 2016. Que orgulho!

gglobe2016-5.png

Se amarelo nunca falta, quanto mais um nude, um dourado ou um rosa quartzo, cor de 2016 (okay, pode não ser o Rosa Quartzo, mas devo dizer que chega perto). Os vestidos variaram de diversas formas, em diferentes recortes, mas os decotes apareceram novamente. Além disso, mais criatividade com as saias – pelo visto, elas são a chave para transformar um vestido de comum em inovador. Cintura bem definida pareceu ser outra escolha da grande maioria das mulheres.
Katy Perry transformou o simples em algo fantástico com esse vestido Prada rosa. Nas costas, ele tem recortes simples e um lacinho, mas dar um toque mais feminino. Só me lembrou de um post antigo que fiz sobre Lacinhos Nas Blusas. Thanks for taking my advice, Katy #sqn. O que levantou mesmo o look foram os adornos e o penteado. Valorizo ambos na hora de me vestir.

__

Resuminho da Arte:

1. Decote é uma boa escolha
2. Se quiser desenhar um vestido mais inovador, pense na saia com carinho
3. Caso queira preservar todo o tecido do busto, pense em diversos recortes no vestido, no tecido que pode ser retirado para deixá-lo diferente.
4. Cintura bem definida é ainda uma moda bem presente nas festas.
5. Cores mais comuns: Azul, Preto, Vermelho e Nude
6. Se você for rica, leitora, compre na Marchesa

__

São muitas fontes, algumas delas direto do Instagram de cada grife. Eu perdi os links, me desculpem ):

~ Maíra Azevedo
12.01.2016 / O céu está azul e o sol está voltando

Clique aqui para comentar sem precisar subir o post

Moda: Looks para o Ano Novo (overdose)

Boa tarde, leitores!

Devo estar um pouco atrasada para postar uma overdose de looks para o Ano Novo (porque só há mais 2 dias para tentar achar um que lhe agrade), porém antes tarde do que nunca. Este post eu planejava terminar ontem, dia 29/12, mas houve algumas mudanças de planos (incluindo eu ir ao cinema assistir a Sufragistas – SIIIIM). Eu selecionei e organizei as imagens ainda ontem, o que me permitiu ter ideias e encontrar minha roupa perfeita para a virada do ano – depois mostrarei! Portanto, aproveitem, tem muita imagem : D

1. Para se ter em mente qual roupa escolher/comprar, primeiro pense onde você estará no revéillon. Na praia, uma dica boa é ter um look mais leve, até mesmo mais boho, caso goste do estilo. Nas festas, sparkles/peças com brilho são muito usadas. Em casa, você tem a liberdade de escolher o confortável ou o arrumado, pois você controlará os próprios horários e quando irá se retirar. [Essas opções são apenas guias, mas glitter na praia ou salto em casa é questão de gosto, e qualquer pessoa estará livre para usá-los.]

__

2. É interessante unir acessórios com as peças de roupa para complementar o look. Por exemplo: um vestido com sparkles pode ser usado com um sapato com sparkles, como também com um sapato “liso”, para distribuir pelo corpo o destaque e a simplicidade. Eu valorizo mais as diferenças, deixando uma parte do visual simples e a outra mais chamativa, mas isso é uma característica de minha personalidade. Pense nas suas preferências e aplique-as.

eve9

Roupas lisas, sapatos lisos, clutches brilhantes e maxi-colares. A junção do simples com o detalhado.

__

3. Branco é a cor tradicional para o evento. Por ser neutro, é bem mais fácil escolher os adornos, que podem ser das mais diversas cores, formas ou estilos.

eve3

Muitos preferem unir o branco ao dourado.

 

eve4

O cabelo preso é ótimo com roupas de costa nua, de recortes generosos ou sem manga.

__

4. Se deseja usar outras cores, seja livre para escolher! Mas se puder uni-las aos sparkles, o look ficará ainda melhor.

eve5

Adornos pretos são muito utilizados com vestidos dourados.

 

eve6

Vestidos que cobrem os ombros (e, às vezes, os braços) são bons de formar um look com cabelo solto.

__

5. Peças de roupa com brilho são também interessantes para formar um visual não só para o fim de ano, como para o cotidiano. Mas para o evento, dourado, prateado e preto ainda são a escolha principal. Tees com estampas que lembram a festividade são ótimas para combinar.

eve7

eve2

__

6. E em questão de maquiagem, você pode tomar duas decisões distintas: querer marcar bem os olhos e usar batons nude; ou fazer algo simples no olho (com delineador e máscara, por exemplo) e usar um batom de cor forte, como vermelho. Ambos os estilos são escolhidos para esta época.

eve10

Batom nude ficaria lindo s2

 

eve11

Delineador diferente do preto é uma opção

__

Após uma overdose de roupas, penteados e maquiagens (ok, maquiagem nem tanto), você já pode pensar nos mais diversos looks! Aproveite bastante a virada do ano e, especialmente, 2016 como um todo!!

__

Fontes:
São muitos links, mas você pode encontrar todas as imagens em meu Pinterest, nas pastas Make Up e Moda!
Imagem em Destaque

~ Maíra Azevedo
30.12.2015 / Nossa, ainda está nublado

Clique aqui para comentar sem precisar subir o post